Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Faz da tua vida a tua inspiração!

... Blogger, coach, palestrante, autora, contadora de histórias, formadora e uma apaixonada pela vida ...

Faz da tua vida a tua inspiração!

... Blogger, coach, palestrante, autora, contadora de histórias, formadora e uma apaixonada pela vida ...

Se não é do cu é das calças

17.03.15, Marta Leal

images.jpg

 

Os que me conhecem sabem que a minha noção de responsabilidade social é grande e que a minha vontade de ajudar também. O acto de contribuir preenche-me e serve de motivação diária para fazer mais e melhor. Esta minha acção não faz de mim uma Madre Teresa de Calcutá até porque não é esse o meu objectivo de vida. Gosto de fazer compras, viajar, comprar livros e quaisquer outro tipo de bens que só o dinheiro pode comprar. Gosto de dinheiro e acredito no dar de forma equilibrada e direccionada talvez seja por isso que me identifico tanto com a Addhu e com o projecto que esta ONG defende.

 

Esta é a forma que eu escolhi para dar a minha contribuição ao mundo e esta é a forma como me movo nele. Depois de ter solicitado apoio pontual para a organização e em conversa com o mais que tudo referia o facto de que são os que menos possuem que mais dão e que os outros limitam-se a encolher os ombros e a dar desculpas manifestamente disfarçadas de desconfiança.  E depois existem os que questionam, os que acusam e os que criticam. Ajudas criancinhas no Quénia então e as portuguesas? Em vez de ajudares criancinhas não devias ajudar velhinhos? Então e os gatinhos e os cãezinhos? Então e...?  Se não é do cu é das calças meus caros! Até porque não agir é mais confortável do que agir. 

 

Fala-se em calças e lembro-me da necessidade de colocar um anúncio mais ou menos nestes termos "desapareceu do roupeiro da sua dona um casaco de cabedal castanho, não se sabe a ultima vez que foi visto nem tão pouco quem o usou. Não se dão alvíssaras até porque o aluguer já é longo". Perdi o meu casaco preferido e só dei por isso agora!!!

 

Cá por casa continuo assim muito mãe, muito eu mesma.