Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Marta Leal

... aventuras e desventuras de uma eterna apaixonada pela vida, pela familia e pela profissão que desempenha ... Sou terapeuta de desenvolvimento pessoal, sou escritora, inspiradora e formadora

Marta Leal

... aventuras e desventuras de uma eterna apaixonada pela vida, pela familia e pela profissão que desempenha ... Sou terapeuta de desenvolvimento pessoal, sou escritora, inspiradora e formadora

Até Sempre Easter!

 

18212561_woZ4t.jpeg

 

É mais do que conhecido que sou uma mulher de emoções embora muitas vezes num dia-a-dia que me exige firmeza e racionalidade tenha dúvidas sobre isso. Dúvidas momentâneas mas dúvidas. Depois percebo que são defesas são apenas defesas criadas por uma rotina onde escolhemos não nos envolver em tudo o que nos rodeia.

 

Estou triste. estou muito triste e por muita técnica que tenha hoje não me apetece usar nenhuma. Não me apetece segurar as lágrimas que insistem correr-me pela cara nem me apetece esconder a tristeza que sinto. Tenho o direito de chorar a perda da minha cadela e tenho o direito de vivenciar a emoção que o vazio me provoca. Todas as decisões que tomo envolvem compromisso e a decisão de termos acolhido a Easter não foi excepção. Quando decidimos ter um cão decidimos pelo que nos pareceu melhor e pelo que nos fez mais sentido. A Easter escolheu-nos a nós e nós aceitámos a escolha. Neste processo ouvi de tudo desde que era louca em gastar tanto dinheiro com uma cadela, que devia mandar abatê-la ou que devia devolvê-la onde a fui buscar. Chocou-me a forma como algumas pessoas encaram os animais chocou-me a forma como nos descartamos facilmente daqueles por quem escolhemos responsabilizarmo-nos.

 

Entre as entradas e saídas da clínica veterinária existiram lambidelas, risos, latidos e mimo muito mimo. E, tivemos sobretudo esperança, muita esperança. Infelizmente a Easter não sobreviveu e o nosso mundo ficou mais pobre.

 

Até sempre Easter contigo levas um bocadinho de nós!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D